Com a presença de Luisa Cela,

Elmano inaugura sede da Secult e anuncia investimento de R$ 90 milhões para os municípios até 2026

Por Deusdedit Neto - Em 04/06/2024 às 10:38 PM

240604 Inaug Nova Sede Secult Ts0647 768x512 (1)

Foto: Divulgação

Em um dia histórico para a cultura cearense, o governador do Ceará, Elmano de Freitas (PT), liderou, nesta terça-feira (4), a inauguração da nova sede da Secretaria da Cultura do Ceará (Secult Ceará). A cerimônia foi realizada no Complexo Cultural Estação das Artes Belchior, em Fortaleza. Durante o evento, o governador também anunciou um significativo investimento de R$ 90 milhões para o fortalecimento do Sistema Estadual de Cultura do Ceará até 2026. O objetivo é capacitar os órgãos culturais dos municípios cearenses, garantindo uma execução eficaz das políticas culturais.

“São R$ 30 milhões por ano, até 2026, para que os municípios possam iniciar esse processo de colaboração com o estado. Temos tido sucesso com esse tipo de regime na educação e na saúde, e chegou a hora de aplicá-lo à cultura. Esperamos que tudo seja feito com muito diálogo com os artistas e com as comunidades produtoras de cultura de cada município”, destacou Elmano.

Os municípios interessados em integrar o Sistema devem se inscrever virtualmente no Mapa Cultural do Ceará até às 23h59 do dia 11 de junho de 2024.

A Ministra da Cultura, Margareth Menezes, presente à solenidade, elogiou o Ceará como um forte polo cultural e destacou as parcerias entre o estado e o Governo Federal. “É uma alegria estar no Ceará com ótimas notícias. Nosso Ministério tem diversas colaborações potentes com este estado, que foi o primeiro do Brasil a ter uma Secretaria da Cultura. Estamos implementando uma política de nacionalização da cultura, e isso é uma grande oportunidade para fazermos cada vez mais por todo o Brasil”, comentou.

Durante a cerimônia, também foi assinado um protocolo de intenções entre o Governo do Estado e o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE) para o desenvolvimento do Programa Agentes Territoriais. Esta iniciativa visa integrar atividades de ensino, pesquisa, extensão e inovação no campo da cultura, aproveitando a experiência e especialização de cada instituição.

“A autorização do governador de R$ 5 milhões para esse projeto é um passo importante. Serão 200 agentes de Cultura fortalecendo este programa do Ministério no Ceará”, afirmou a secretária da Cultura do Ceará, Luisa Cela.

Mais notícias

Ver tudo de IN Poder