DESENVOLVIMENTO NAS COMUNIDADES

Sarto discute agenda econômica com Ciro Gomes e Preto Zezé no Paço Municipal

Por Marcelo - Em 17 de janeiro de 2022

O prefeito José Sarto esteve reunido nesta segunda-feira com o presidente nacional da Central Única das Favelas (Cufa), Preto Zezé; o presidente estadual da entidade, Francisco Ailton; o ex-governador do Ceará e presidenciável, Ciro Gomes, além do secretário da Cultura de Fortaleza, Elpídio Nogueira, no Paço Municipal.

Elpídio Nogueira, José Sarto, Preto Zezé, Francisco Ailton e Ciro Gomes              Foto: Divulgação

“Conversamos sobre o trabalho que a Cufa vem realizando em todo o País, envolvendo o setor público e iniciativa privada. Entre as pautas, discutimos a agenda econômica, o incentivo ao desenvolvimento de talentos das comunidades e a Taça das Favelas. É muito importante dialogar com os segmentos e buscar parcerias para execução de projetos e ações nas periferias de Fortaleza”, afirmou.

Ele lembrou, ainda, que esse é o melhor caminho para envolver a sociedade em ações que busquem desenvolver a economia, a empregabilidade, incentivar a educação e a formação na área tecnológica. E que a ideia principal é aproveitar o potencial que já existe nas comunidades, ampliando as políticas públicas existentes.

Área central

O chefe do Executivo municipal também destacou as intervenções que estão sendo realizadas no Centro de Fortaleza, como as obras da Praça Coração de Jesus, que estão em execução e serão concluídas ainda neste semestre. Além de ações no setor de trânsito, com foco na segurança de pedestres, que representam o maior público daquela área da Capital.

E as programações que incentivam a ocupação do bairro aos fins de semana, como a Ciclofaixa de Lazer, o Minicircuito de Bike Infantil e as atividades educativas na Cidade da Criança. “Outras ações estão em estudo, por meio do Iplanfor, com o objetivo de estimular a moradia no Centro. Esperamos contribuir para que a região se desenvolva cada vez mais, potencializando o comércio e enaltecendo a relevância cultural e histórica do bairro para a nossa cidade”, explicou José Santo.

Mais notícias

Ver tudo de IN Connection