Líder do PSB no Ceará

Cid Gomes volta a se posicionar contra candidatura do PT à Prefeitura de Fortaleza: ‘Muito poder concentrado num só partido’

Por Deusdedit Neto - Em 22/03/2024 às 7:48 PM

Snapinsta.app 424879689 199166446616202 3261000529904740958 N 1080

Foto: Divulgação

O senador Cid Gomes (PSB) defendeu novamente que o PT Fortaleza não seja cabeça de chapa da coligação, grupo este no qual o PSB Ceará faz parte. O FG ressaltou que seu posicionamento não é contra o partido vermelho, e sim uma forma de compartilhar o poder com as demais siglas que compõem o arco de aliança petista.

Cid pondera que só acharia razoável que um partido controle a Presidência da República, Governo do Estado e a prefeitura da Capital se a legenda obtivesse, sozinha, os votos para chegar aos Executivos. “Mas a nossa tradição aqui é de uma votação, de eleições em aliança”.

“Eu sempre procurei fazer isso, equilíbrio. Eu pondero. Qualquer partido, se tiver a presidência da República, o Governo do Estado e a prefeitura da capital, eu acho que é muito poder concentrado num só partido”, reafirmou o parlamentar.

E para apaziguar os ânimos e ter um nome do PSB ao Executivo de Fortaleza que agrade os petistas e demais partidos da aliança, a secretária-executiva do Ministério da Educação e ex-governadora do Estado, Izolda Cela (PSB), seria a opção que mais agradaria a cúpula do PT.

O PT Fortaleza conta com cinco pré-candidatos ao Paço Municipal e o (a) representante será escolhido (a) por meio de um encontro municipal, a ser realizado no dia 21 de abril. Estão no páreo a deputada federal Luizianne Lins, os deputados estaduais Evandro Leitão e Guilherme Sampaio, a deputada estadual Larissa Gaspar e o secretário especial da Casa Civil, Artur Bruno.

Mais notícias

Ver tudo de IN Poder