OPERAÇÃO JOANA D'ARC

Marinha do Brasil realiza exercício naval, com militares franceses, em Fortaleza

Por Marcelo - Em 1 de junho de 2022

Blindados anfíbios simulam ataque a área de praia no Porto de Fortaleza            Foto: Portal IN

Um grupo de blindados anfíbios e tropas fortemente armadas ‘desembarcaram’ nesta quarta-feira (1), na Praia Mansa, ao lado do Terminal Marítimo de Passageiros do Porto de Fortaleza. Revolta armada? O Brasil entrou em guerra? Nada disso. Foi apenas um exercício militar combinado, envolvendo tropas das Marinhas do Brasil e da França.

De acordo com o almirante Carlos Chagas, comandante da Força de Fuzileiros da Esquadra, sediada no Rio de Janeiro, a Marinha do Brasil tem na França um parceiro da maior importância no seu relacionamento internacional. E o exercício realizado na capital cearense fortifica esta parceria.

Militares da França e do Brasil durante o exercício combinado no Ceará

“Então, foi com grande alegria que a Marinha recebeu a solicitação para que fizesse uma operação conjunta com a Marinha Nacional Francesa e o Exército da França, durante a escala da Missão Joana D’Arc, que tem um duplo propósito: funcionar como viagem de instrução de 160 Guardas Marinhas franceses, embarcados na fragata Courbet e no navio Mistral”, explicou.

E ressaltou que, hoje, foi finalizada a Operação Fortaleza Joana D’Arc, que foi anfíbia, envolvendo tropas dos dois países. “Foram utilizados navios da França e do Brasil, com fuzileiros navais dos dois países. É uma das operações mais complexas e tivemos pela primeira vez em Fortaleza, os veículos anfíbios da Marinha do Brasil operando aqui no Ceará”, asseverou o almirante Carlos Chagas.

Desembarque de tropas foi realizado na Praia Mansa, ao lado do Terminal Marítimo de Passageiros do Porto de Fortaleza

Mais notícias

Ver tudo de IN Connection