MEDIDA ELEITOREIRA

Mauro Filho diz que queda do ICMS não vai baixar o preço dos combustíveis

Por Marcelo - Em 26 de maio de 2022

O deputado federal Mauro Filho (PDT-CE) afirmou nesta quinta-feira (26), que lançou um desafio: emenda ao projeto vinculando o percentual de queda do ICMS ao preço do combustível na bomba, conforme aprovado ontem na Câmara Federal. “Não aceitaram, pois eles sabem que o projeto aprovado, de fato, não vai baixar o preço dos combustíveis. Estão enganando a população brasileira. Essa proposta não vai diminuir o preço. Não passa de uma medida meramente eleitoreira”, disparou.

Mauro Filho disse que medida não vai baixar os preço do combustível           Foto: Divulgação

Ele lembrou que em agosto de 2021 a própria União reduziu o PIS e a Cofins sobre o diesel. “E o que aconteceu? A Petrobras aumentou o valor do diesel e em junho vai aumentar de novo em 11,4%. Reduzir ICMS não baixa o valor de combustível na bomba, pois a política de preços da Petrobras está vinculada ao barril internacional e à oscilação do dólar, isso é que precisa mudar”, disse.

E salientou que esta medida deverá prejudicar a todos, diminuindo a arrecadação de estados e municípios, prejudicando o investimento público em saúde e educação. “Enquanto isso, a Petrobras vai continuar aumentando o valor dos combustíveis, batendo recorde de lucro, enchendo os bolsos de bancos e fundos de pensão que não pagam imposto de renda”, completou Mauro Filho.

Veja o vídeo:

Mais notícias

Ver tudo de IN Connection