MAIOR COMENDA DA CNI

Carlos Prado será homenageado com a Medalha da Ordem do Mérito Industrial

Por Marcelo - Em 27 de abril de 2022

O 1° vice-presidente da Federação das Indústrias do Estado do Ceará e empresário Carlos Prado será agraciado com a Medalha da Ordem do Mérito Industrial da Confederação Nacional da Indústria (CNI) de 2022, maior honraria do setor no País. A nomeação foi aprovada nesta terça-feira (26), durante a reunião da diretoria da CNI, após indicação do presidente da FIEC, Ricardo Cavalcante.

Carlos Prado tem atuado fortemente pelo Hub de Hidrogênio Verde                  Foto: Portal IN

Carlos Prado é um dos maiores empresários do agronegócio brasileiro e tem sido, em parceria com Ricardo Cavalcante, um grande articulador para a implementação do Hub do Hidrogênio Verde no Estado, que deverá transformar o PIB industrial cearense nos próximos anos. Isso, graças aos 17 protocolos de entendimento assinados com grandes players globais.

O agraciado

Carlos Prado nasceu em Marília, no interior de São Paulo, em fevereiro de 1941. Terceiro dos sete filhos do agricultor João Horta do Prado e de Lupérsia Prado, chegou ao Ceará em agosto de 1973, quando fundou a Cemag. Desde então, aliado à sua atuação empresarial, tem colaborado fortemente com as atividades classistas.

Foi participante/fundador do Pacto de Cooperação Agropecuária do Ceará (Agropacto). Em 1995, durante a gestão de Fernando Cirino Gurgel na presidência da FIEC, liderou a criação do Trade Point do Ceará, como braço do Ministério de Relações Exteriores. Em 1998, o Trade Point foi transformado em Centro Internacional de Negócios (CIN), para desenvolver a cultura exportadora no Ceará. Em 2002, liderou a Plataforma Regional do Agronegócio do Caju, que abrangeu todo o Nordeste, e foi coordenada pela FIEC.

Em 2012/2013, colaborou com a coordenação do Movimento Integra Brasil – O Nordeste no Brasil e no Mundo, iniciativa do CIC, com apoio da FIEC. Carlos Prado presidiu ainda a Comissão Nacional de Fruticultura da Confederação Nacional da Agricultura (CNA). Atualmente, continua com forte atuação dentro do setor industrial cearense.

Mais notícias

Ver tudo de IN Business