Honraria

Espedito Seleiro será um dos agraciados com a Medalha da Abolição 2020-2022

Por Gabriela - Em 22 de março de 2022

Captura De Tela 2022 03 22 Às 12.54.12

Captura De Tela 2022 03 22 Às 12.54.12

O mestre e artesão caririense Espedito Seleiro será contemplado com uma das honrarias mais nobres do Ceará, a Medalha da Abolição 2020-2022, em solenidade nesta sexta-feira, 25 de março.

A comenda será outorgada pelo governador Camilo Santana e pela vice-governadora Izolda Cela. A cerimônia deste ano, que acontece no Palácio da Abolição, possui também caráter retroativo aos dois anos anteriores, em virtude da pandemia da covid-19, celebrando vários agraciados.

Além do mestre Espedito, recebem a medalha o presidente da FIEC, Ricardo Cavalcante, o humorista Tom Cavalcante; a titular da SPS, Socorro França; a presidente do Tribunal de Justiça do Ceará, Maria Nailde Pinheiro; o presidente da CUFA, Preto Zezé; a jogadora de futsal Amandinha; e o senador Cid Gomes.

A comenda, instituída em 1963, reconhece o trabalho relevante de brasileiros para o Estado ou para o Brasil e será entregue na data Magna do Ceará, que celebra o marco histórico do fim da escravidão em terras cearenses. Após três anos de ausência do evento, devido à pandemia, o chefe do Executivo cearense entregará pessoalmente a comenda a cada um dos homenageados referentes aos anos de 2020, 2021 e 2022.

Ricardo Cavalcante será agraciado com a maior comenda do Governo do Ceará

Mais notícias

Ver tudo de Notas