Presidida por Pedro Matos

CPI que vai investigar a Enel Ceará é instalada na Câmara Municipal

Por Deusdedit Neto - Em 12/06/2024 às 3:22 PM

Instauração Da Cpi Para Investigar A Concessionaria Enel Ceará 13 (1)

Foto: Divulgação

Na manhã desta quarta-feira, 12, a Câmara Municipal de Fortaleza (CMFor) instaurou a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar possíveis abusos e irregularidades nos serviços prestados pela concessionária de energia elétrica Enel Ceará. A CPI busca apurar problemas no abastecimento de energia que têm impactado a prestação de serviços públicos no município.

Foram eleitos para liderar a comissão os vereadores Pedro Matos (Avante) como presidente, Márcio Martins (União Brasil) como vice-presidente e PPCell (PDT) como relator. A comissão também inclui os vereadores Ronaldo Martins (Republicanos), Kátia Rodrigues (PDT), Danilo Lopes (PSD) e Júlio Brizzi (PT).

Pedro Matos, presidente da CPI, destacou os principais objetivos do grupo: “Vamos organizar as informações coletadas nas 12 regionais de Fortaleza, focando nas frequentes e abruptas quedas de energia que têm afetado a cidade. Observamos problemas como semáforos desligados e interrupções em postos de saúde e hospitais.”

Márcio Martins criticou a qualidade dos serviços da Enel: “Os serviços prestados pela Enel são insuficientes para Fortaleza. Não conheço ninguém que tenha sido ressarcido por danos causados pelas oscilações de energia. Queremos expor essa situação e convocar os responsáveis para esclarecimentos.”

Martins ressaltou o impacto das falhas no serviço de energia para a população: “Vamos apresentar casos de moradores que tiveram seus eletrodomésticos danificados. Imagine o prejuízo para uma pessoa da periferia que perde a geladeira onde guarda alimentos e água. Casos assim são comuns em regiões como Grande Messejana, Grande Bom Jardim, Grande Mucuripe e Grande Pirambu.”

Mais notícias

Ver tudo de IN Poder