PREÇO BAIXO E TERRENO

Sarto discute com Sindipetro ações com relação à venda da refinaria Lubnor

Por Marcelo - Em 9 de junho de 2022

O prefeito José Sarto recebeu nesta quinta-feira (9), no Paço Municipal, representantes dos trabalhadores do setor petrolífero no Ceará, com o objetivo de debater a questão da venda da refinaria Lubnor, situada no bairro Mucuripe. Afinal, a Prefeitura de Fortaleza não foi comunicada da transação pela Petrobras e é dona de parte do terreno.

Sarto questiona o fato de 30% do terreno da Lubnor ser do Município            Foto: Divulgação

“Estive reunido hoje com o presidente do Sindicato dos Trabalhadores na Indústria do Petróleo, Iran Gonçalves, e com o diretor de Pesquisa, Ciência e Tecnologia do Sindipetro, Roberto Viana. Conversamos sobre a decisão da Prefeitura de Fortaleza de acionar a Justiça diante da venda, por um preço muito abaixo do valor de mercado, da Lubnor”, afirmou Sarto.

Além do baixo valor que teria sido pago pela refinaria, cerca de US$ 34 milhões, ressaltou que 30% do terreno onde a refinaria está instalada pertence ao Município de Fortaleza, pois foram doados a cerca de 50 anos, para uma empresa pública – a Petrobras -, com o objetivo de promover o desenvolvimento industrial e da economia da capital cearense.

“E, como disse antes, a Petrobras concluiu a negociação sem autorização da gestão. Assegurei aos trabalhadores que não vamos admitir que a cidade seja prejudicada e vamos agir administrativamente e juridicamente para evitar prejuízos”, destacou José Sarto.

Mais notícias

Ver tudo de IN Connection