PROTOCOLO DE INTENÇÕES

Energytech pretende investir R$ 800 mi em fazendas solares no interior do Ceará

Por Marcelo - Em 5 de agosto de 2022

A Órigo Energia, que assinou um protocolo de intenções com o Governo do Ceará nesta quinta-feira (5), prevê investimentos de R$ 800 milhões em unidades com potência entre 2 MWp e 5 MWp (megawatts pico), com potência total de 150 MWp e que devem gerar 500 empregos diretos e 1 mil empregos indiretos na região até 2023. Com esta ação, a energytech expande a sua atuação e anuncia o início da sua operação no Ceará. Embora o número de fazendas solares serem construídas no ainda não esteja definido, a empresa acredita no potencial do Estado.

Órigo possui fazendas solares instaladas em três estados brasileiros                Foto: Divulgação

Atualmente, a Órigo atende a mais de 50 mil clientes (entre residências, pequenas e médias empresas) com uma potência instalada de mais de 150 MWp operacionais a partir das suas fazendas solares nos estados de Minas Gerais, Pernambuco e São Paulo. E tem projeção de chegar ao final deste ano com capacidade instalada de mais de 250 MWp, dobrando sua base de clientes.

“Somos os pioneiros no setor com o lançamento de uma Fazenda Solar em 2017. Temos condições favoráveis para o desenvolvimento da geração distribuída no Ceará e com nossa atividade criaremos empregos, fomentando a economia local e contribuindo para o desenvolvimento do Estado. Além de promover a democratização do acesso à energia renovável de baixo impacto”, conta o CEO da companhia, Surya Mendonça.

A Órigo tem um negócio inovador ao oferecer aos seus clientes cotas da energia solar que é gerada em suas fazendas solares. A adesão é fácil e 100% online pelo site da empresa. A partir de então, os clientes passam a receber os pacotes de energia solar contratados em suas residências ou negócios diretamente pela rede de distribuição local, sem necessidade de investir na aquisição de painéis solares ou na sua instalação. Além de terem acesso aos benefícios atrelados à preservação dos recursos naturais decorrentes da opção por uma matriz energética sustentável e limpa, além de obter descontos na conta de energia.

Mais notícias

Ver tudo de IN Business