CHEGANDO À VICE-LIDERANÇA

Pague Menos compra a Extrafarma por R$ 600 milhões e terá 1.503 lojas no País

Por Marcelo - Em 18 de maio de 2021

A rede cearense de farmácias Pague Menos realizou, na noite desta segunda-feira (17), de acordo com fontes do mercado, a aquisição da Extrafarma, pela quantia de R$ 600 milhões, fazendo com que a empresa fundada por Deusmar Queirós, suba um degrau no ranking das Top Five do Brasil, passando a ocupar a vice-liderança.

Loja 1.000 da Pague Menos fica situada na Avenida Santos Dumont                 Foto: Divulgação

De acordo com fontes da agência Reuters, caso a compra da Extrafarma, que pertence ao Grupo Ultrapar, seja aprovada pelos órgãos reguladores, o total de filiais da Pague Menos chegará a 1.503 unidades em todo o território nacional. Com isso, estaria atrás apenas da RD – dona da Droga Raia e da Drogasil.

Contando com um investidor do porte da gestora de private equity General Atlantic, tão logo o negócio seja aprovado pelo Cade, a Pague Menos realizará o aporte de R$ 300 milhões para o Grupo Ultrapar. A outra metade do valor de venda será repassada em duas parcelas iguais, que vencerão em 2022 e 2023.

Se finalizada com sucesso, a transação deverá criar sinergias de até R$ 250 milhões nos próximos três anos, para o lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) da varejista cearense. Em especial pelo potencial aumento de vendas da Extrafarma.

Mário Queirós é o atual CEO da rede farmacêutica fundada por seu pai

A compra da concorrente foi a primeira aquisição realizada pela Pague Menos desde que abriu seu capital na B3, em agosto do ano passado. Somente nos quatro primeiros meses de 2021 as ações do conglomerado farmacêutico que tem como CEO o empresário Mário Queirós,registrou alta de 19%, superior ao desempenho do Ibovespa.

A venda da Extrafarma teria sido realizada pelo Grupo Ultrapar com o objetivo de reorganizar seu portfólio e focar suas energias no setor de óleo e gás. Inclusive, já estaria com negociações adiantadas, diretamente com a Petrobras, com o objetivo de realizar a compra da Regap, refinaria situada no Rio Grande do Sul.

Mais notícias

Ver tudo de IN Business